quarta-feira, 22 de junho de 2016

E se não tivesse a carência no meu contrato do Empreender-JP?

Na última segunda-feira, dia 20/06, eu postei a resposta sobre uma dúvida que eu recebi, com relação ao cálculo de uma prestação de financiamento no Empreender-JP.

Uma pessoa me questionou qual teria sido a prestação e quanto a pessoa teria economizado no total, caso não tivesse utilizado a carência de 3 meses. Como o principal não era tão alto e o prazo não era longo, o efeito não foi tão alto (aumento de 2,65% na parcela, que dá igual a um pagamento "extra", no final do prazo, de R$ 263,69).  Mas no longo prazo e para montantes maiores isso poderá fazer uma grande diferença.

Então, se você tem disponibilidade para pagar o quanto antes, que pague! Contudo, isso precisa estar dentro do planejamento da empresa, considerando que há recursos disponíveis para pagar as parcelas   e sem pagar mais caro a fornecedores, por exemplo.

Vamos lá:

Valor do principal = R$ 8.500,00
Mais 2% para o Fundo Garantidor = R$ 8.500*(1+2%) = R$ 8.670,00
Como não há carência nesta simulação, o principal utilizado para o cálculo da prestação foi de R$ 8.670,00.
Usando a calculadora financeira, você segue a seguinte rotina, para chegar ao valor da prestação:
1) 8,670,00 --> CHS --> PV
2) 0.9 --> i
3) 24 --> n
4) PMT, aí ele dá o valor de 403.2854 de parcela (prestação/payment)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...