quinta-feira, 6 de abril de 2017

Bolsa Brasil Balcão?! Entendendo o novo nome da Bolsa

O nove nome da nossa bolsa criou alguma polêmica, semana passada. Eu, particularmente, achei bem estranho. Por essa estranheza, pedi para a minha monitora de Finanças II, Michelly Vieira, escrever um post sobre isso aqui no Blog.

Algumas pessoas (em um post no meu Facebook) se preocuparam com a confusão com o BBB do programa de TV, com o BBB do rating, ou até mesmo com a vitamina B3 e a classificação B3 dos periódicos no Qualis CAPES (créditos aos meus criativos amigos do Facebook, Melkzedec Ojeda , Valdemir Galvao de CarvalhoElenildo Santos Bezerra e Jonathan Ferreira). 

Por outro lado, não precisaremos mais dizer, em nossos artigos, que as empresas da amostra estavam listadas na BM&FBovespa, deixando mais espaço para os nossos resumos (essa aqui foi de Kléber Formiga).

Mas vamos ao texto de Michelly:

No último 30/03, a BM&FBovespa (bolsa de valores, mercadorias e futuros) e a CETIP (prestadora de serviços financeiros no mercado de balcão organizado) anunciaram o nome da empresa criada pela fusão entre elas. Agora com a combinação das operações, a empresa passa a se chamar B3 – Brasil Bolsa Balcão

A justificativa para mudança do nome da companhia, presente no documento sobre as assembleias gerais ordinária e extraordinária da BM&FBovespa, foi a seguinte 

“...um dos temas que está sendo submetido à deliberação dos Srs. na Assembleia Geral Extraordinária é a alteração da nossa denominação social para B3 S.A. – Brasil, Bolsa, Balcão. Acreditamos que este novo nome sintetizará os resultados da união das duas companhias: uma nova cultura, uma nova identidade, um novo posicionamento e uma infraestrutura única integrada e focada no constante desenvolvimento dos mercados de nosso país”.

A BM&FBovespa formada pela integração entre a BM&F (Bolsa de Mercadorias e Futuros) e Bovespa Holding (Bolsa de Valores de São Paulo), é uma companhia que atua na negociação e na pós-negociação de ações, títulos e contratos derivativos, além de prestar serviços de registro, compensação e liquidação, atuando, principalmente, como contraparte central garantidora da liquidação financeira das operações realizadas em seus ambientes. A Bolsa oferece ampla gama de produtos e serviços, tais como: negociações de câmbio pronto e contratos derivativos referenciados em ações, ativos financeiros, índices, taxas, mercadorias, moedas, entre outros.

A Cetip S.A. Balcão Organizado de Ativos e Derivativos, ou mais conhecida apenas como Cetip, constitui-se como um mercado de balcão organizado para registro da negociação de títulos e valores mobiliários de renda fixa. Registra, custodia e liquida também títulos públicos estaduais e municipais emitidos após 1992, além de realizar outras atividades (PARDO, 2012). 

Entre os principais ativos registrados na CETIP está o DI (Depósito Interfinanceiro),  além dos CDBs (Certificado de depósito bancário), Debêntures, cotas de fundos, entre outros. 

A principal diferença entre esses mercados é referente às negociações dos ativos - que são chamados listados em bolsa, quando estão na bolsa, e têm mais liquidez. No mercado de bolsa existe uma estrutura institucional especial para que ocorra a transação dos ativos, cuja maioria destas regras, não se observa nas operações de balcão organizado (veja mais aqui).

Existem também diferenças nas divulgações de informações em que, no caso da bolsa, o delay é de 15 minutos no máximo (veja mais sobre isso aqui). Algumas empresas que não conseguem ter suas ações negociadas na bolsa de valores, por não alcançarem todas as condições necessárias para que isto ocorra, optam por participarem do mercado de balcão, onde as condições são menores.

O presidente da BM&FBovespa, Edemir Pinto, afirma que com a junção dessas duas companhias, a B3 se torna a quinta maior bolsa de mercado de capitais e financeiro do mundo, referente a seu valor de mercado que chega a U$S 13 bilhões (MOREIRA, 2017).

Referências:
BM&FBovespa. Disponível em:< http://www.bmfbovespa.com.br/pt_br/index.htm> . Acesso em 04 de Abril de 2017.

INFOMONEY. Disponível em:< http://www.infomoney.com.br>. Acesso em: 04 de Abril de 2017.

INVESTPEDIA. Disponível em:< http://www.investpedia.com.br/>. Acesso em 04 de Abril de 2017.

MOREIRA, Marli. Fusão entre BM&FBovespa e Cetip cria a B3, 5ª maior bolsa de valores do mundo. 2017. Disponível em:<http://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2017-03/fusao-entre-bmfbovespa-e-cetip-cria-b3-5a-maior-bolsa-de-valores-do-mundo>. Acesso em 04 de Abril de 2017.


PARDO, Paulo. Mercado Financeiro e de Capitais. MERCADO FINANCEIRO E DE CAPITAIS. Maringá-PR: NEAD, 2012. 176p.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...