domingo, 12 de julho de 2015

Ser ou não ser: as universidades devem banir os slides

Primeiro, a decisão de banir os slides deve ser uma decisão individual. Não interpretem de forma errada o título do post, que é baseado em uma matéria que li no Business Insider (compartilhada no Facebook do Professor José Roberto Kassai).

No início da minha carreira, no ensino fundamental como Professor de Matemática, eu não costumava usar slides. Eu apenas usava slides quando ia dar uma aula que fugia um pouco do que era exigência de conteúdo básico: finanças (eu usava em algumas turmas o simulador da Bovespa, por exemplo), matemática financeira, ou outras coisas desse tipo. Isso não era muito frequente e, talvez por isso, chamava mais a atenção dos alunos nessas aulas.

Hoje eu uso slides em praticamente todas as minhas aulas. Porém percebo que quando não uso slides, consigo prender mais a atenção dos alunos e, talvez eles "aprendam" mais (na minha opinião, o aluno só aprende em casa, estudando... a aula, para mim, tem outra função).

Outro ponto quero destacar antes de ir ao comentário específico sobre a matéria citada no início desse post é que durante um tempo da minha carreira eu passei a não enviar os slides aos alunos, depois passei a enviar, depois parei e agora voltei a enviar.

Por que eu parei de enviar os slides algumas vezes? Simplesmente porque os alunos estudam pelos slides, como se fosse um livro. Eles parecem não entender (será?) que os slides são apenas para me ajudar a lembrar do que eu tenho que falar na aula. Eles não devem servir para que os alunos estudem. Porém quando eu não envio os slides eles ficam me pedindo, isso me chateia muito!

Além disso, eu utilizo muitos artigos que são publicados em inglês e muitos temas específicos das minhas disciplinas não estão em livros publicados em português... a grande maioria dos alunos de graduação não tem o hábito de ler em inglês (eu também não tinha, mas as espécies evoluem e eu dou alguns incentivos para isso). Então é a maior confusão, chororô etc. Como já tenho meu doutorado para me estressar, prefiro evitar mais esse estresse e enviar os slides, para guiá-los (aguardem a conclusão do meu doutorado!).

Com base nisso, será que é meu papel como Professor controlar a fonte de estudo dos alunos? Acho que não. Eu dou o guia geral. Se eles estudam pelo local errado, acho que não é problema meu. O Senhor Mercado dará algum feedback a esses alunos que estudam por resumos ou slides. Minha consciência estará tranquila, pois eu avisei! Por isso continuo, atualmente pelo menos, a enviar os slides.

O que eu disse acima corrobora o que o BI disse: o uso de slides propaga o mito de que o aluno poderá se tornar um bom profissional apenas lendo slides, no lugar de trabalhar com "dezenas de livros, centenas de artigos e milhares de problemas". Para que isso, se o Profê já resumiu tudo nos slides?!

O artigo também generaliza algumas coisas, como quando diz que não é possível trabalhar em problemas complexos nos slides. Na verdade é possível sim e ainda podemos ser eficientes com os slides. Só precisamos ter cuidado com o uso, tanto dos Professores quanto dos alunos. A imagem abaixo, retirada do BI, resume um pouco essa questão da complexidade.


P.s.: não estou também querendo generalizar nada com relação aos alunos. Alguns fazem bom uso dos slides. O Mercado também dará uma resposta positiva a esses!


Em complemento, recomendo a leitura do texto "it's not PowerPoint's fault, you are just using it wrong" (recomendado por Marcos Verissimo Alves, de um grupo de Professores que eu participo no facebook).


2 comentários:

  1. Excelente reflexão Felipe Pontes, particularmente gosto e utilizo dos slides com imagens, pois, chamam à atenção do aluno, mas não me prendo apenas a esses, o quadro sempre é um excelente aliado ao processo de ensino-aprendizagem. Na verdade, utilizo uma porção de cada coisa q vc cita no artigo. " Muito são chamados e poucos são os escolhidos", meu desejo como professora é q todos consigam evoluir, mas nem todos amadureceram, e acordaram p a vida... Eis uma missão nossa... Acordar esses alunos... É o q vc faz com esses posts dentre outras coisas mais. A leitura de livros, artigos a busca do conhecimento além dos bancos acadêmicos, faz toda a diferença na vida profissional. E cabe a nós motivá-los para q isso aconteça. Parabéns pela reflexão. Abs

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...