segunda-feira, 16 de julho de 2012

Por que contratar um escritório de contabilidade para a declaração do Imposto de Renda?



Se você é brasileiro, compartilha do pensamento de que poucas coisas na vida são mais chatas do que ter de parar tudo o que está fazendo e trabalhar na declaração do imposto de renda. Além de ser um dos países com a maior carga tributária do mundo, o Brasil não dá colher de chá para quem esquece, por engano ou por “engano”, de declarar alguma mínima coisa: qualquer movimento em falso e o leão está lá, pronto para devorá-lo. Como passar por essa parte chata da burocracia sem ter que perder a cabeça? Fácil: contratando um escritório de contabilidade para lidar com a declaração do imposto de renda por você.

Os escritórios que têm um bom sistema contabilidade e pessoas habilitadas para prestar o serviço atendem desde grandes empresas até pessoas físicas, uma vez que nem todo mundo tem tempo – ou paciência – para fazer a declaração minuciosa. Então, contratam o serviço, que faz um planejamento de declaração com base em todos os documentos passados pelo cliente, junto com as informações essenciais para que o levantamento da carga tributária seja apurado de forma simples. Em muitas das vezes é possível até eliminar o pagamento do imposto de renda, quando não há lucro real e gastos totais que ultrapasse o piso necessário para que a declaração tenha obrigatoriedade de ser feita.

Além do mais, não é fácil entender o que quer o tão leão do fisco. A verdade por trás do imposto de renda tem várias minúcias e é quase impossível acertar em cheio uma declaração sem ter que fazer muito esforço por isso. Há os itens tributáveis, há os itens que não precisam ser tributados, há a possibilidade de uma rescisão no valor final do imposto, e qualquer passo em falso por entre as possibilidades pode resultar numa terrível e temida zona de malha fina, quando o governo fica no seu pé para que você comprove gastos ou lucros que, às vezes por bobeira, não foram declarados. E vamos ser francos: nem todo mundo tem conhecimento pleno do funcionamento de software contabilidade, nem mesmo das ferramentas gratuitas do governo, para fazer a declaração tributária de imposto de renda com toda a segurança do mundo.

O importante é jamais fugir dos prazos de entrega da declaração e, principalmente, das regras para que o imposto de renda declarado seja considerado totalmente lícito. Ao invés de ficar pensando em fazer essa parte chata do balanço pessoal, nada melhor do que contratar um escritório de contabilidade, já que é o contador o responsável por analisar meticulosamente os mínimos detalhes patrimoniais do seu cliente. Um estudo sobre a sistemática de tributação, principalmente no caso de empresas, e comparativos entre demonstrativos contábeis para fins de evidências do sistema de tributação também são de responsabilidade dos escritórios de contabilidade Brasil afora – que realmente sentem prazer em fazer, além de serem os verdadeiros capacitados para essa função. 

Quem quer assumir o risco de fazer sua própria declaração de imposto de renda pode baixar nos sites do governo as opções dos sistemas tributários e fazer o documento por sua conta e risco. Mas é sempre melhor investir e deixar tudo nas mãos de um especialista, que calcula até os mínimos detalhes de cada tributo e imposto declarados. Fora que é um pequeno investimento, se comparado com a tranquilidade e o conforto de ter alguém fazendo para você uma tarefa de suma importância. E o melhor: com uma sempre pequena margem de erro, o que garante ainda menos problemas no decorrer do pagamento de tributos como esse.

Esse post nos foi enviado (e escrito) por um leitor do blog: Marcos Lopes, consultor da Muito Mais Digital

2 comentários:

  1. Ótimo texto. Gostei muito da abordagem utilizada para falar da importância de um contador para fazer o imposto de renda. Concordo com o texto em número, gênero e grau!

    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Obrigado, Flávio!

    É bom receber feedback dos nossos leitores!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...