sábado, 19 de maio de 2012

Análise das publicações em Assimetria Informacional

A PRODUÇÃO CIÊNTIFICA SOBRE ASSIMETRIA INFORMACIONAL EM PERIÓDICOS INTERNACIONAIS DE CONTABILIDADE

Luiz Felipe de Araújo Pontes Girão
Márcia Reis Machado

RESUMO
O objetivo principal desse trabalho foi analisar a  produção científica na área de assimetria
informacional publicada em periódicos internacionais de contabilidade. O trabalho,
caracterizado como empírico-analítico, com análise  documental e de conteúdo, valeu-se de
técnicas da bibliometria e da análise de redes sociais. Detectou-se que dos 9  journals, três
publicaram 70% do conteúdo analisado. Os Estados Unidos da América foi o país que recebeu
o maior número de indicações de vínculo, o que implica dizer que também produziu uma
maior quantidade de trabalhos. Por não ser uma variável observada diretamente, a assimetria
informacional precisa de  proxies, e dentre os trabalhos analisados destacaram-se o  bid-ask
spread, cobertura, previsão e erro de analistas de investimentos, PIN e  accounting quality. A
idade média dos trabalhos utilizados como referência foi de 13 anos e a teoria de base
utilizada remonta à década de 1980 e início de 1990, com ênfase no  disclosure. Os autores
mais citados na amostra foram Ross L. Watts, Ray Ball e Paul M. Healy. Foi detectada ainda
a presença de 14 “colégios invisíveis”, dos quais 3se destacaram dos demais pelo tamanho e
características geográficas e lingüísticas.

Palavras-chave:Análise de redes sociais; Assimetria da informação; Bibliometria;
Informação assimétrica; Informação contábil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...